Newton de Lucca é

No rimar da sedução

Os meus medos
perdidos nas delícias
de tua fruta

Os meus dedos
nas carícias envolvendo
teus receios

Meu desejo firme
como rocha
no pleonasmo sem fim
de tua gruta

E ainda por cima
de sobra a minha língua
depositada sempre nas últimas sílabas
de teus anseios...


ç
Use as setas para folhear as páginas è